Passo a passo para o empregador doméstico preencher a DIRF 2019

Passo a passo para o empregador doméstico preencher a DIRF 2019

Declaração de Imposto de Renda Retido na Fonte deve ser entregue à Receita Federal até às 23h59min do dia 28 de fevereiro

Passo a passo para o empregador doméstico preencher a DIRF 2018

A Declaração de Imposto de Renda Retido na Fonte (DIRF) é uma declaração feita pelo empregador doméstico que tem o intuito de informar à Receita Federal do Brasil os rendimentos pagos ou creditados em 2018 para seus empregados e o valor do imposto sobre a renda e contribuições retidos na fonte. Para facilitar a vida do empregador, disponibilizamos o passo a passo DIRF 2019!

O empregador doméstico que reteve Imposto de Renda na Fonte (IRRF) em pelo menos um pagamento feito ao seu trabalhador no ano-base de 2018 (Pagamento de Salário, Férias, 13º Salário ou Rescisão), ou que tenha pago a partir de R$ 28.559,70 durante este período, deve apresentar a DIRF à Receita Federal até às 23h59min do dia 28 de fevereiro.

A Doméstica Legal realiza todos os procedimentos necessários para entregar a DIRF através do programa da Receita Federal. Contratando este serviço, o empregador doméstico tem mais comodidade e segurança na hora de honrar esta obrigação. Solicite o serviço!

Veja o passo a passo

OBS: Em caso de dúvidas, o empregador pode contar com o suporte da Receita Federal. A Doméstica Legal não fornece suporte neste caso.

Para a transmissão da DIRF é obrigador ter instalado na máquina, o Programa Gerador da DIRF 2019 – Ano base 2018 e o Receitanet atualizado.

Passo 1: Verifique todo o fluxo de caixa no eSocial, conforme data de pagamento ao Trabalhador.

Passo 2: Abra o Programa DIRF 2019 e clique em “Nova Declaração”.

Passo 3 – Informe o nome completo (Igual ao do eSocial) e CPF do empregador, na opção “Pessoa Física”. Clique em “OK”

Passo 4 – Caso o Declarante se enquadre em alguma das opções como “Declarante Falecido, Pagamento a pessoas no exterior e etc., marque a opção desejada”. Clique em “OK”. Logo em seguida, “Confirmar” a criação da Declaração

Passo 5: Informe os Dados do Declarante (Empregador) CPF, NOME, Telefone e/ou e-mail

Passo 6 – Clique na opção “Beneficiários” – “Rendimentos Tributáveis”

Passo 7 – Informe os dados do empregado, CPF, Nome Completo (Igual ao do eSocial) e Código da Receita (0561).

Passo 8 – Preencha o histórico financeiro do empregado, conforme apurado no eSocial.

Passo 9 – Após conferir o Informe do empregado, devemos transmitir a DIRF para a Receita Federal. Porém, antes da transmissão, devemos verificar se há pendência ou erro.

Lembrando que as pendências não impedem a transmissão da DIRF, os erros impedem e devem ser corrigidos.

O Botão de verificar pendência é um Símbolo de confirmar. “Vezinho ou Certo”

Verifique que o erro foi apresentado

Após correção do erro

Passo 10 – Após a correção de todos os erros, se por ventura ocorrer, é hora de transmitir a DIRF. Para isso, basta clicar no menu Declaração, logo em seguida “Gravar Declaração para entregar a RFB”.

10.1 – Confira bem, pois todo cuidado é pouco e clique no botão “Avançar”

10.2 – Selecionar o Local de Transmissão (Estado) e clique em Avançar

10.3 – Marque a opção ”Transmitir agora”, caso deseje, desmarque a opção “Certificado Digital” e clique em avançar!

10.4 – Confirme o Envio e caso deseje imprimir o recibo da entrega, clique em Concluir

Passo 11 – Logo após o Envio da DIRF, salve o Recibo de Entrega, Declaração Completa e o Informe de rendimentos em PDF, na sua pasta dentro do computador.

Recibo de Entrega

Compartilhe esta publicação

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

Cadastre seu e-mail e fique sempre atualizado

Deixe seu comentário sobre este post

Mais acessados

🔎 Não achou o que procurava?

Faça sugestões de novos conteúdos