RJ: (21) 2518-3099 | DEMAIS ESTADOS: 4003-3367

Carta aberta: volta dedução do INSS do empregador doméstico

Carta aberta: volta dedução do INSS do empregador doméstico

Presidente do Instituto Doméstica Legal escreve carta pedindo a colaboração da sociedade em nova campanha pela melhoria do emprego doméstico

O nosso movimento é para construir uma sociedade mais justa, sendo um agente ativo na melhoria do emprego doméstico como um todo, para aumentar a harmonia na relação entre empregadores e trabalhadores domésticos. Através da nossa ONG Instituto Doméstica Legal, lutamos pela melhoria do emprego doméstico com ativa participação na elaboração de leis justas e equilibradas, e através do Portal Doméstica Legal colaboramos para que o empregador doméstico cumpra suas obrigações legais, executando a folha de pagamento de seus empregados.

Em 2019 a nossa atuação foi importantíssima no Congresso Nacional. Através da campanha de abaixo-assinado “Mais formalidade no emprego doméstico”, buscamos que fosse aprovado o Projeto de Lei 1766/2019, do Senador Reguffe, para que o benefício da dedução do INSS do empregador doméstico na Declaração Ajuste Anual do Imposto de Renda se estendesse por mais cinco anos. Esta campanha já teve a adesão de 13.000 cidadãos, mas precisamos de muito mais assinaturas. Ganhamos a batalha no Senado, mas a Câmara dos Deputados não colocou o projeto em pauta para votação no ano passado, o que permitiria que o mesmo fosse encaminhado para a sanção presidencial, com isso o benefício não foi prorrogado pelo governo e em 2020, o empregador não terá a dedução na declaração de Imposto de Renda.

 Uma apuração feita pela ONG aponta que, somente em 2019, 700 mil empregadores utilizaram o benefício, e estamos mais uma vez prontos para lutar pela continuidade da dedução do empregador no decorrer de 2020, e temos a certeza que em 2021 ele estará de volta. O empregador doméstico deve ser valorizado como gerador de renda para milhares de trabalhadoras.

A dedução do INSS do empregador doméstico no Imposto de Renda foi criada em 2006 a partir de um movimento iniciado pelo Instituto através da campanha de abaixo-assinado “Legalize sua doméstica e pague menos Imposto de Renda”, com mais de 20 mil assinaturas. Nossa história está repleta de vitórias, pois temos trazido tranquilidadesegurança e confiança para o empregador e dignificação, conscientização e valorização para o empregado.Conscientizando os empregados e empregadores, dos seus direitos e deveres, estamos contribuindo para a construção de uma sociedade mais justa.

As informações foram úteis? Compartilhe

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

Cadastre seu e-mail e fique sempre atualizado​

Deixe seu comentário sobre este post